Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

all about little lady bug

ir, fazer acontecer, filosofar, sonhar, amar, amarfanhar, imaginar, criar, dançar, aprender e escrever - não necessariamente por esta ordem

all about little lady bug

ir, fazer acontecer, filosofar, sonhar, amar, amarfanhar, imaginar, criar, dançar, aprender e escrever - não necessariamente por esta ordem

e no domingo fomos casar a Sara e o Filipe

14591625_10209761190998805_6483649670887656071_n.j

houve vestido de noiva, houve atraso da noiva, houve um drone a recolher imagens, houve gin, houve comida - houve festa e as pessoas estavam felizes #win

foi uma festa bonita e foi super fixe ter partilhado este dia com os noivos, com o mano e amigos que fiz no Taekwondo (sem nunca ter praticado... e esta hein?)

o pior foi a segunda-feira... casamentos ao domingo dão cabo da 'ssoa humana! 

 

 

 

um fim-de-semana inteiro dedicado aos miúdos da #uppa_animais

tumblr_odchy5jDGo1qhzqx6o1_500.jpg

 

 

(ups! olha só quem está ali! deixa ver se consigo roubar-lhe um beijinho...) 

 

tumblr_odcr7k4ETW1qhzqx6o1_500.jpg

 

 (missão concluída com sucesso!) 

 

tumblr_odb0wzWLnx1qhzqx6o1_500.jpg

 

a lontrinha Mel a ser um doce, à sua maneira 

 

*

 

fim-de-semana dedicado aos miúdos da uppa, com tudo o que isso implica (sim, muitos cocós). 

agora há toda uma nova semana para preparar. mãos à obra! 

#joananopaísdecoura

2016-08-20 16.28.35-2.jpg

a convite do musicfest.pt fui fazer a reportagem da 24ª edição do festival Paredes de Coura. 

já tinha ouvido falar - e muito - sobre este festival, com destaque para o local onde tudo acontece: um anfiteatro natural que é lindo de morrer.

perante esta oportunidade, fiz as malas e, na companhia do Marco Almeida, fiz uma mão cheia de kms até chegar a Paredes de Coura. só percebi como estavamos longe de Lisboa quando o Marco propõe um almoço em Vigo, Espanha - que ficava a 40 minutos. 

há muito tempo que não ficava hospedada numa pousada da juventude - e foi uma boa experiência, aquela que tivemos em Vila Nova de Cerveira: um quarto fixe, com o essencial, wc privativo, um pequeno almoço simples e funcionários super simpáticos.

ainda estou com algum sono para colocar em dia: afinal, depois do festival terminar há textos para redigir e/ou concluir e fotografias para editar, bem como redes sociais para alimentar. isso implica que a malta se deite pelas 4h ou 5h, para depois levantar entre as 10h e as 11h 

 

um dos momentos mais bonitos foi vivido no quintal da D. Laurinda, que abriu as portas da sua casa aos Crocodiles e ao público que assistiu a uma das Vodafone Music Sessions. não resisti a tirar esta fotografia com a D. Laurinda, o marido e o irmão. 

 

20160819162439-vodafonesessionscrocodiles-0147.jpg

foi uma aventura bonita, com óptimos momentos, para recordar. há sempre caras conhecidas na sala de imprensa  e isso dá-nos a sensação de que somos uma grande família

tumblr_oc63t0C6XD1qhzqx6o1_500.jpg

 

tumblr_oc489cWD7Z1qhzqx6o1_500.jpg

 

não sei se volto a Paredes de Coura: nem sequer penso muito nisso. esta experiência já foi maravilhosa e, até ver, não fui sequer afectada pela gastroenterite de que todos falam, o que é uma mega win.

 

14046049_10206896693558887_2336750570857925062_n.j

 

agora é altura de detox: nestas lides, come-se muito pão com tudo e batata frita - além de abusar um pouco no alcóol. faz parte da aventura.

 

e o festival seguinte? o Avante, em Setembro. vemo-nos por lá?

 

outra forma de viver o #nosalive2016

tumblr_oa2igw2DQx1qhzqx6o1_500.jpg

sou cliente assídua do Alive, desde 2008

é aquele festival para o qual compro o passe dos 3 dias, ainda o cartaz não está completo - e vais com quem? bom, vou comigo mesma. é já uma tradição tropeçar em amigos e conhecidos e por isso nem me preocupo com companhia: encontro-a por lá

gosto do espaço, do facto de ser um festival urbano, da proximidade com a minha casa, do recinto e do facto de manter um espírito efectivamente festivaleiro - ao contrário do RiR que é mais um parque de diversões

 

2016 marcou a minha estreia como jornalista e isso mudou profundamente a forma como vivo o festival: passo mais horas na sala de imprensa e as visitas aos palcos são esporádicas: agora são sete e se queremos partilhar o que acontece com os leitores, há que dar corda aos ténis

depois há o trabalho de equipa e a enorme parvoíce entre mim, o Marco e o Francisco - os dois fotógrafos que fizeram muitos kms durante estes três dias (e uma sala de imprensa bem catita, com máquina de imperial ali mesmo, à mão de semear!)

 

escrevi cerca de 3900 palavras durante estes três dias. dormi pouco: ao mesmo tempo, há que conjugar este trabalho com os outros que tenho (copywriter, community manager, formadora). 

 

andei menos pelo festival e não consegui (re)encontrar amigos - excepção feita para o Bruno Rodrigues e a sua cara-metade, ambos muito grávidos e bem dispostos! 

 

registei uma selfie em falta desde o RiR, com o Jorge Botas - e consta que me apanharam em "trabalho", ao som do Agir (ou seja, a dançar!) 

Cm8On7dWAAAoqJN.jpg

 

foram três dias intensos, sim. toda uma nova experiência no que ao meu festival de música preferido diz respeito.

 

sei que hoje estão todos sintonizados na final do #euro2016: eu lembrei-me que me falta fazer um trabalho de filosofia social e política, para a pós-graduação. auch. o prazo termina... hoje!

até já! 

 

Mel & cumplicidade

IMG_2308.JPG

 

namoro à distância: cada uma de nós na ponta oposta da trela.

aproximação? só com biscoito.

depois alguns mimos e brincadeiras.

festas ao entrar na box.

e jogos com duas bolas de ténis - agora com três.

e passeios longos em que eu falo com a Mel e ela vai lá na vida dela, a explorar o mundo e, de vez e quando, pára, olha para trás e corre na minha direcção: quer mimo.

 

never dog walk alone 

estou apaixonada por esta miúda e a culpa é do Morais. olha, é uma relação a três. e resulta! 

 

(fotografia: Pedro da Rosa) 

a seguir os passos do Mestre

1536735_742184025809410_1082847576_n.jpg

 

 

2016-04-02 12.08.14.jpg

 

que é como quem diz: a imitar o mano mai'velho, desde mil nove e setenta e nove.

as fotografias foram tiradas com 2 ou 3 anos de diferença. mas a personagem principal é a mesma. chama-se Mel e é uma miúda que conquistou um lugar no meu tempo de voluntariado, na #uppa_animais. rendi-me aos seus encantos e graças ao Morais tive a oportunidade de me aproximar dela. é uma cadela com um temperamento especial - mas acreditem em mim: é doce, como o Mel (à sua maneira).

todos os dias são um desafio e cada passeio revela um lado da Mel que eu desconhecia - só e apenas por que ainda não tinha parado para investir algum tempo nela. acho que estamos a ficar amigas e acredito que posso restaurar-lhe a fé que ela um dia perdeu na humanidade. tudo isto é possível pelo trabalho em equipa que se faz na UPPA, em que os voluntários mais experientes vão passando conhecimento aos mais  maçaricos - eu era uma maçarica até há uns tempos atrás. lá está, aprendi com os "Mestres" e também eu tenho evoluído muito, no que à relação com os animais diz respeito.

ainda tenho muito para aprender - sobretudo a respeitar regras e assim. e a ser assertiva. estou a fazer o meu melhor, acreditem. 

 

obrigada, Morais: se não fosses tu e o desafio que me lançaste eu hoje não estaria tão contente por conhecer "essa miúda linda...." 

 

 

querido São Pedro, esta páscoa peço sol! só isso! e é por uma boa causa

Hoje eu estou feliz por estar contigo 
Cedo o Sol começou a brilhar 
Hoje até o tempo é nosso amigo 
Mas que bom que está p' ra passear. 

Passear contigo, amar e ser feliz 

O que mais quero da vida 
Ter amor e muito amor p' ra dar 
Ter amor e muito amor p' ra amar. 

Passear contigo, amar e ser feliz 

Mas que importa que se diga 
Que amar assim é a brincar 
Vem Amor, vem passear. 

Vem ver como a tarde está linda 

E como é tão bom ficarmos sós 
Se o dia acabar o amor não finda 
Porque há muito amor dentro de nós. 

 

2016-02-20 10.38.06.jpg

 

como assim? não há pizzas de curássante?

tumblr_o294ttD1LH1qhzqx6o1_500.jpg

 

fomos ao cinema, eu e a B - sim, só eu e a B. já tínhamos ido algumas vezes, mas sempre com a mãe - afinal, é uma forma de fazermos coisas juntas. hoje a mãe não pôde ir e o plano era uma tarde de madrinha e afilhada. a B. nunca tinha ido ao cinema só comigo, nunca tinha andado no meu carro... era tudo novo. quando me viu, deu-me um abraço. depois do pai colocar a cadeirinha no meu carro ficámos prontas para esta aventura. 

quem me conhece sabe que os meus carros (este é o segundo que tenho) servem de "armazém" de muitas coisas. inclusivé de memórias. a B. descobriu uma máscara da Pepa, do seu segundo aniversário (nota: a B. fez 4 anos há umas semanas). ficou prometido que lhe daria a Pepa, assim como o frasco de bolinhas de sabão que anda comigo na mala (don't ask!).

 

vimos o snoopy, não comprámos pipocas e no caminho para casa imaginámos pizzas daquelas que não há: pizzas de "curássante", de crocodilos, de morangos, de barbies... e acabámos por comprar uma com fiambre e cogumelos, pronto. a cara de desilusão da B. quando viu que, no continente, não havia mesmo pizza de "curássante". um pacote de gomas para fazer a surpresa ao pai e ainda uma rápida visita ao Kioko (ou Tioko) que faz cócegas com o seu bigode. 

 

tumblr_o294bcN8Zk1qhzqx6o1_500.jpg

 gostanto! 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D