Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

all about little lady bug

ir, fazer acontecer, filosofar, sonhar, amar, amarfanhar, imaginar, criar, dançar, aprender e escrever - não necessariamente por esta ordem

all about little lady bug

ir, fazer acontecer, filosofar, sonhar, amar, amarfanhar, imaginar, criar, dançar, aprender e escrever - não necessariamente por esta ordem

à espreita

tumblr_593181c81c2bac2edc92bef3ef2cdacd_d8bd45d1_5

 

o que mais gosto desta fotografia são as patinhas ali no mini muro, em equilíbrio, para poder espreitar o que se passa do lado de lá. o Félix é um curioso nato, que corre quando houve barulhos, que cheira tudo o que encontra pelo caminho, que tem de estar a par do que se passa à volta. 

foi a sua curiosidade que me fez pensar que seria uma boa companhia para o Friqui e para nós, 'ssoas humanas. 

há dias perguntaram-me: "ele já é velho, não?" e eu, indignada, disse: "não, não é nada velho". mas é. o Félix completa 7 anos de vida e isso significa que já é quase um sénior. como mantém o seu espírito vivo, a vontade de cheirar o mundo e não dispensa uma boa brincadeira com as bolas de ténis, fica difícil dizer que está a ficar velho.

mas está.

estamos. 

antes de mais nada...

- desafio de escrita dos pássaros #2.3

 

...diz-lhe OLÁ.

seja na carruagem do metro, no café da aldeia, no bar da escola, na sala de espera do consultório.

... diz-lhe OLÁ.

usa o whatsapp, o facebook, o twitter, o instagram. 

...sorri

usa um emoji ou a tua própria cara. mas sorri.

...diz a verdade.

diz-lhe se estás com vergonha, se não sabes onde pôr as mãos, se deves pagar-lhe o café, se já a/o seguiste no caminho para casa, só para ver em que rua morava (hey, não sejas stalker). se fores casado/a, diz-lhe também. só para não haver surpresas mais tarde. 

...diz-lhe o que queres.

mesmo que seja algo que ela/e não quer. assim ficam a saber e podem conversar sobre o que ambos querem e o que ambos não querem.

...diz que sim. e diz que não.

 

lembra-te: tudo começa com um olá. e quando o olá já não tem sentido, dizemos adeus. venham outros olás.

 

 

 

 

 

desafio de escrita d'os pássaros.

tema:   Manual para iniciar relacionamentos 

não gostou do que ouviu

desafio de escrita dos pássaros #2.2

Maria não se sentia bem. era o corpo que lhe dizia que não se sentia bem. não sabia explicar o que sentia: o corpo é, por vezes, poupado em palavras. doía aqui, doía ali. havia um mal estar. tossia. dor? na cabeça. a perna está cansada. dormir? dorme mal. o jantar nem sempre lhe cai bem e já tem dado por si a vomitar.

Maria decidiu ir a um médico, mas não gostou do que ouviu. não ficou assustada com o volume de exames que lhe foi sugerido e com alguns cenários desenhados. não gostou do que ouviu, das palavras que o médico usou. foi muito técnico e parecia estar a falar de uma torradeira em vez da Maria.

Maria foi a outro médico. uma médica, para ser mais exacta. a senhora olhava-a por cima dos óculos e usava palavras muito compridas, incompreensíveis. Maria não gostou do que ouviu, sobretudo por não perceber nada. 

Maria decidiu ir a outro médico. na recepção da clínica pediu para marcar uma consulta com um poeta. a senhora da recepção ficou muito baralhada, pois por norma não pedem médicos com essa especialidade. a senhora da recepção, a Gertrudes, tem por missão não deixar um paciente sem resposta. e procurou um médico poeta. naquele dia não se falava de outra coisa: afinal, haveria médicos poetas? 

Maria recebeu um telefonema da Gertrudes com a indicação do dia e da hora para uma consulta com um médico poeta. Maria foi à consulta. e gostou do que ouviu. Maria está doente e sabe que vai falecer em breve, pois não tem muito tempo de vida. Maria recebeu essa notícia em forma de poema. 

 

 

desafio de escrita d'os pássaros.

tema: é que isso de médicos, nunca fiando

o Edgar é um amigo de amigos

83279527_1421785374696795_4989820574164320256_n.jp

e precisa de encontrar um dador de medula óssea. quem sabe esse dador não está desse lado aí, a ler esta publicação?

se não sabes se podes ser dador de medula óssea, informa-te AQUI. quem sabe não poderás ajudar a salvar a vida do Edgar Libório ou de outra pessoa? e poderás inscrever-te nas Caldas da Rainha, no local, dia e hora que está neste cartaz, ou num centro do CEDACE perto de ti

 

vamos a isto?

 

 

o que queres ser?

desafio de escrita dos pássaros #2.1

quando somos pequenos perguntam-nos tantas vezes: "o que queres ser quando fores grande?". vamos para a escola, seguimos a universidade ou entramos no mercado de trabalho e deixam de fazer essa pergunta. assume-me que aquilo que fazemos, em adultos, é aquilo que queremos ser. e quantas vezes não é? 

seguimos pela vida adulta adentro, por aí fora, a cumprir com as metas disto e daquilo. umas metas são nossas, outras tornam-se nossas por vicissitudes da vida. seguimos caminho. e aquela pergunta desaparece e não volta mais.

envelhecemos. a pele fica enrugada, os joelhos começam a doer, a memória começa a falhar. e aquela pergunta não regressa.

eis que surge uma pergunta aterradora: o que quere ser quando morreres?  

"sei lá eu. acho que com isso da morte a coisa não vai correr bem. morremos e pronto." 

e já pensaste mesmo nisso? pensar no que queremos ser quando morrermos obriga-nos a pensar um bocadinho no que queremos ser enquanto vivemos. e confesso que não sei qual das perguntas me assusta mais. 

 

 

desafio de escrita d'os pássaros.

tema: acho que a coisa não vai correr bem.

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2009
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2008
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D